Matéria | Underground

Você que acompanha meus textos na revista pode considerar saudosismo de minha parte sempre levantar analogias sobre a comunidade do arguile atual e o que tínhamos há alguns anos, mas insisto nesse assunto, pois o considero de extrema importância. Sinto que como comerciante e adepto há mais de 15 anos, o público consumidor, seja de produtos ou informação, influencia muito o rumo que as coisas tomam, por isso estou sempre atento e busco alertar. Não quero ser um “cagador de regras”, muito menos ditar o comportamento ou escolher as pessoas que devem e como devem usar o arguile, porém o bom senso deve existir e a falta dele aliado aos modismos contemporâneos dos jovens dinâmicos, estão afugentando o público sério que tem muito a contribuir à cultura.

consulte Mais informação