Pois é pessoal, esse evento que em tese não tem ligação direta com arguile merece grande destaque, sabem por quê? Porque teve arguile sim! Com orgulho podemos dizer que o arguile fez parte de um evento que está no calendário oficial da cidade de São Paulo.

Em primeiro lugar, todos nós que apreciamos arguile devemos agradecer um cara que nem faz parte diretamente do nosso ramo, Rodrigo Devisate, advogado e frequentador da Ganesha, no bairro do Ipiranga em SP chegou e jogou a ideia na mesa para Kauan e Caio (proprietários da tabacaria) entenderem a ideia dele: ter um lounge para fumar arguile na Oktoberfest de São Paulo. Sinteticamente, após o susto dos meninos, tudo começou a se desenrolar e caminhar para que saísse da melhor maneira possível e podemos dizer que foi um sucesso.

Com a parceria de grandes marcas como TioBob, Predator, Monge, Adalya e Sultan, assessoria jurídica impecável do Rodrigo, estivemos (sim, digo estivemos porque isso é uma conquista para todos nós e irei sempre dizer dessa maneira), dentro de um evento gigante para a cidade. Vocês conseguem entender a importância disso para todos nós? Só um detalhe, o maior espaço do evento era justamente “nosso”!

Foram meses de preparativos, projetos alterados, adequações às leis e foi tudo perfeito, a CVS (Centro de Vigilância Sanitária) passou todos os dias para verificar se estava tudo de acordo e sem surpresa nesse evento, não houveram erros com relação a lei, inclusive, foi considerado um case de sucesso pelos próprios fiscais.

Agora o evento em si, com uma área total de cerca de 27 mil m² contou com a presença de mais de 100.00 pessoas nos 11 dias de evento que puderam aproveitar mais de 70 rótulos de cervejas, shows de artistas tradicionais, diversos tipos de comidas alemãs, foodtrucks, parque de diversão com roda gigante, micro cervejarias e arguile.

Ouvimos e vimos muitas pessoas que não conheciam arguile e ali quebraram a barreira do pré-conceito e entraram na loja do TioBob com os mais variados produtos para perguntar, conhecer e saber como funcionava tudo aquilo. Muitas dessas pessoas de diversas idades, foram então para o lounge da Ganesha, que contava com 70 lugares para conhecer. E pasmem, muitos deixaram o nome na fila de espera e somente após, pediram um rosh para experimentar.

Ouso dizer que nenhum saiu com duvida ou reclamando do atendimento, que vale salientar, estava impecável, para quem conhece, padrão Ganesha de atendimento. Todos os meninos que estavam ali trabalhando, gostam do que fazem e atendiam com uma alegria inabalável.  Nem a chuva desanimou a equipe que, quando a chuva parava, logo corria para secar os sofás e puffs para que as pessoas pudessem entrar para fumar.

Foi muito satisfatório ver essa interação de um público totalmente fora do nosso mercado, que passou a conhecer e ver com outros olhos o arguile, afinal de contas, se fosse droga (como muitos pensam) jamais estaria ali, num evento tão grande e com tanta visibilidade e importância.

Pode até parecer que não, mas o evento tem grande apelo familiar, por isso o parque de diversão e muitas atividades para crianças, diversos stands, como por exemplo da movida que contava com uma pequena gincana para ganhar brindes e sim, vimos todo mundo se divertindo, seja por conta das brincadeiras, músicas e shows ou pelo puro prazer de comer bem e beber ainda melhor.

Posso dizer que foi um evento de onde todos nós saímos com grandes lições, em todos os sentidos.

Aprendemos que podemos e devemos ter a esperança de mudar essa visão que muitas pessoas ainda têm sobre o arguile, é possível uma equipe bem preparada e feliz atender cerca de 3 mil pessoas para fumar uma boa shisha em 11 dias de evento, ter uma loja engajada em montar um stand que seguia totalmente o tema alemão da festa e principalmente, podemos sim, fazer evento de arguile seguindo todas as leis vigentes sem nenhum tipo de multa ou repreensão por parte da fiscalização.

Pode parecer repetitivo, mas para encerrar esse texto, agradeço mais uma vez ao Walter Filho, idealizador do evento que abriu a porta para que pudéssemos ter arguile lá dentro. Ao Rodrigo que quebrou a cabeça para aprender tudo sobre a legislação e evitar possíveis dores de cabeça e de fato encabeçar a ideia do lounge no evento. Aos meninos da Tabacaria Ganesha que com louvor fizeram todo o trabalho de atendimento no lounge. Ao TioBob por abraçar a ideia e também redirecionar as parcerias e as marcas que lá estavam presentes e claro, montar uma loja mais vistosa, bonita e completa com uma variedade incrível de produtos nacionais e importados. A Predator, Adalya, Monge e Sultan por se juntarem ao time e investirem para que o evento acontecesse de forma única com produtos personalizados. E claro, um agradecimento especial pelo convite a HBE para fazer a cobertura do evento, muito obrigado!

Boatos dizem que em 2019 estaremos todos novamente na 3ª Oktoberfest SP, vamos torcer para que isso se concretize.

E aprendam, valorizem esse tipo de coisa, respeitem a opinião das pessoas sobre tudo e todos e principalmente, um evento com arguile pode sim acontecer com perfeição, basta seguir as leis.

Ein Prosit!

Por: Redação HBE