Adoro eventos de arguile. Meu primeiro contato com um evento deste tipo foi na Wonderland em 2014 (atual Expo Hookah), e lembro da minha reação ao pisar naquele lugar: fiquei em estado de choque. Minha realidade do arguile na época era sentar e fumar com quatro ou cinco amigos, tomar uma cerveja e jogar conversa fora. E de repente vi três mil pessoas sentadas e fumando no mesmo local, na presença de música árabe e dançarinas do ventre, alguns stands e absolutamente nenhuma confusão. Foi nesse momento que me encantei pelo mundo do arguile.

O último da vez foi o SC Hookah Fest, que rolou dia 15 de outubro em Balneário Camboriú, onde tive o imenso prazer de ser bem recebido pelo público local e fazer amizade com a galera. O evento em questão foi extremamente bem organizado e contou com espaço para todo o público presente sentar e fumar com os amigos. Open de essência do começo ao fim do evento, carvão de sobra e com direito a carros superesportivos em dois stands!

Isso reflete a seriedade e profissionalização do nosso mercado atual. Marcas cada vez mais preocupadas com o público, eventos cada vez mais elaborados e frequentes. Obviamente isso não se aplica a todos e há sempre aqueles que estão no mercado apenas pelo dinheiro. Isso não é um problema, não vão durar muito tempo, pois dinheiro é um motivo muito pequeno para dedicar sua vida. É por causa de marcas e pessoas que possuem comprometimento, dedicação e seriedade que vejo um futuro próspero e longo no mundo do arguile.

Por: Eduardo Macário